2 de jul de 2011

Ato de pensar

Melhor que dias eufóricos é a noite calma que cobre o céu neste momento. A expectativa não mais perturba, pois está relegada a um plano mais sóbrio da consciência. 

Trata-se de uma segurança psicológica, acrescida de uma leve frustração, imperceptível. Assim está certo personagem, totalmente entregue ao seu verdadeiro estado. E o mais importante, consciente disso.

Consiste em uma experiência incomum, não nova e sim rara. Algo que deve ser usufruído até a exaustão, aproveitado e não confinado ao relento do esquecimento.

Eram breves palavras que lhe ocupava. Agora já se consolidam frases, tão sólidas quanto sua consciência.